10 coisas que médicos não esperavam de seus pacientes 3 Comentários


Conheça algumas histórias de pacientes que surpreenderam seus médicos falando coisas que eles jamais imaginariam que fossem ditas.


Coisas Médicos

Foi perguntado a médicos se eles já tiveram que explicar coisas aos seus pacientes que eles julgavam que todo mundo soubesse. Das respostas dadas, selecionamos 10 histórias que podem soar irreais para vocês, mas, acreditem, são totalmente reais. Leia e se divirta.

10. Bebida vegetal

Uma vez tive que dizer a um paciente que não é porque a lata diz que contém “extratos de óleo vegetal”, que uma lata de coca-cola conta como um vegetal.

09. Apenas

Existem mulheres que tomam anticoncepcionais apenas nos dias em que fazem sexo.

08. Tinha de limpar?

Durante um plantão, uma garota de 17 anos foi atendida com sangramento no anus. Descobrimos que ela não sabia que tinha que limpar a região após defecar e isso acabou causando uma infecção – ou ninguém nunca a ensinou ou ela esqueceu em algum momento. A enfermeira, então, chamou o serviço social e ensinou a ela a maneira correta de se limpar.



07. Física para quê, né?

Trabalho em uma UTI e as vezes aparecem pessoas realmente estúpidas. Um dia, o filho de uma paciente veio reclamar que eu estava tentando matar a mãe dele congelada. Ele ficava me mostrando que o termostato marcava 23º Celsius. Eu expliquei a ele calmamente que 23º C não era frio, mas ele ficava cada vez mais irritado. Tive que chamar o supervisor e um segurança, até que ele foi escoltado para fora do hospital. Por fim, descobrimos que ele era acostumado a medir a temperatura em Fahrenheit – o que daria -5º C – , mas que não fazia a minima ideia do que era Fahrenheit ou Celsius.

Estamos falando de um homem com quase 40 anos, com 2º grau completo, que não somente não fazia ideia que existiam duas métricas para temperatura, mas que também não percebeu que se a sala tivesse tão fria como ele imaginava, ele seria o primeiro a ficar com frio, e pensava que estávamos tentando matar a mãe dele congelada em pleno hospital.

06. Cresce de novo

Um colega meu estava explicando para uma senhora que existia a possibilidade de amputar um de seus pés devido a uma doença. Ela respondeu rapidamente que ele fizesse a amputação. Ele achou estranho, principalmente porque ela parecia despreocupada. Ele insistiu em falar sobre a amputação, e teve como resposta dela que “tudo bem” porque “o pé cresceria de novo”. Foi então que ele explicou que ela não era uma salamandra. Aí ela começou a pensar seriamente sobre o caso…

05. Inocente grávida

Minha avó tinha 18 anos quando estava em trabalho de parto do primeiro filho. Ela era uma dessas mulheres do final da década de 40 que usavam calças. Quando chegou ao hospital, a enfermeira mandou que ela tirasse a roupa, e para a surpresa dela, minha avó tirou somente a blusa e o sutiã.

A enfermeira disse que ela teria que tirar as calças também. Minha avó ficou surpresa ‘Por que? O bebê não vai sair pelo meu umbigo?’. Eis que a enfermeira respondeu “Não, querida, ela vai sair pelo mesmo caminho que ele entrou.”


04. Sentido figurado

Depois de fechar alguns pontos na cabeça de um paciente, a familia perguntou se estava tudo bem com ele. Eu falei, brincando, que o cérebro dele ainda estava dentro da cabeça. A família ficou chocada. Depois disso tive que passar meia hora explicando a eles que o cérebro fica dentro do crânio e que uma pessoa não pode viver sem um.

Eles pensavam que “cérebro” era uma palavra para exprimir os pensamentos de uma pessoa, assim como o “coração” exprimia sentimentos. E sim, eles também não sabiam que o coração existe de verdade.

03. Alergia

Eu trabalho como farmacologista e um dos pacientes veio reclamar que o remédio para alergia à gatos não estava funcionando – era um inalador. Depois de alguma conversa, descobri que ela estava usando o inalador no gato.

02. Informação importante

Eu já tive de informar a alguns pacientes masculinos de que a camisinha vai apenas no pênis, e que não precisa puxá-la até cobrir os testículos.

01. Lavou, tá novo

Durante um plantão, uma paciente necessitava fazer um exame para identificar possíveis DSTs. Ela ficou bem irritada e declarou ter apenas um parceiro. Depois de alguma conversa, ela confessou que sabia que seu parceiro dormia com outras mulheres, por que “ele usa camisinha todas as vezes e ele tem certeza de lavar bem depois do uso”.

Eu perguntei o que ela queria dizer com isso. Ela me explicou que depois de cada relação, ele pega a camisinha e lava com água quente e sabão depois de cada relação. Eu tive que explicar para ela com muita calma que camisinhas são produtos descartáveis.

Reddit

Se você gostou destas história, compartilhe este post nas suas redes sociais clicando nos nossos botões de compartilhamento. Ou você pode selecionar apenas um trecho deste texto que aparecerá uma caixa que permitirá que você possa compartilha-lo no Facebook ou no Twitter.

Você também pode deixar seu comentário aqui embaixo, criticando, perguntando ou sugerindo. Fique a vontade!

Conheça outrosdepoimentos desta série

Comentários

Comentários


Deixe uma resposta

3 pensamentos em “10 coisas que médicos não esperavam de seus pacientes