As mulheres do YouTube 4


Existem um incontável numero de vídeos no YouTube, muitos os quais nem se deve dar o trabalho de assisti-los. Entretanto, alguns chamam nossa atenção, seja por uma característica ou um apelo visual. Vou apresentar a vocês alguns vídeos dos mais interessantes que eu encontrei. Provavelmente muitos de vocês já conhecem vários deles, mas é melhor arriscar do que deixar passar a oportunidade, não é?

Para começar, vamos falar das mulheres no YouTube. Acontece que nos últimos meses, vem crescendo o numero de mulheres e garotas criando videologs no YouTube onde falam sobre qualquer assunto, mas usando e abusando de decotes e roupas curtas e/ou apertadas, tudo isso para conseguir mais e mais visualizações – o que rende dinheiro, já que o YouTube paga para aqueles que criam vídeos originais que não quebram direitos autorais.

hannah_minx

Uma das que mais ouvi falar é a Miss Hannah Minx, onde uma garota de seios fartos – e decote mais farto ainda – ensina palavras japonesas para americanos. O pessoal do 4chan está tentando descobrir o verdadeiro nome dela, e até já publicaram fotos de uma ‘sósia’ dela espalhadas por aí.

Falando nas apelativas, recentemente uma pianista apareceu no YouTube mostrando seu talento ao piano usando somente calcinha, tapando os mamilos com fita crepe. Pois é…

Ok, caindo fora das apelativas, vamos falar de mulheres que nos cativam não somente pela beleza, mas pelo seu conteúdo. Elas se apresentam bonitas e até usam uma ou outra coisa mais reveladora, mas pode ter certeza que o que elas falam é o foco principal do vídeo.

A primeira que falo é a Kefera, que faz o 5 Minutos. A principio não entendi bem abordagem, mas conforme fui assistindo seus vídeos, acabei ficando fã e assinando o canal.

Outra que faz conteúdo de qualidade é a Lully, no Lully de Verdade. Essa eu tive a honra de conhecer pessoalmente na Campus Party Recife de 2012. Mega simpática.

Existem ainda mais vídeos de ambos os tipos de garotas, mas até aí já tem muito o que assistir. Em breve eu posto mais coisas que vejo por aí no YouTube.

Comentários

Comentários


Deixe uma resposta

4 pensamentos em “As mulheres do YouTube