Circulo Curioso 01 – Parte A


Uma de minhas brincadeiras favoritas é encontrar ligações entre assuntos aparentemente sem nada em comum. É levemente baseado na teoria dos seis graus de separação, onde teoricamente você está a seis pessoas de qualquer outra pessoa no mundo. Enfim, como sempre quis fazer algo assim neste blog, eis aqui a minha primeira série de ligações. Ela estará divida em partes onde cada parte estará ligada na anterior.

Vamos começar?

weird-al-yankovic

Weird Al Yankovic é um dos maiores autores de paródias musicais. Embora o nome possa parecer estranho, muitas delas são conhecidas do público, como Fat paródia de Bad, de Michael Jackson, com gordo obesos [sim, é de proposito]; e Bedrock Anthem, paródia de Under the Bridge and Give It Away da banda Red Hot Chilli Peppers que homenageia Flinstones; e ainda The Saga Begins, paródia da música American Pie de Don McLean, que conta Star Wars Episódio I pelo ponto de vista de Obi-Wan.

Mas o motivo dele estar aqui é pela paródia da música Mickey, de Toni Basil, chamada Ricky que faz uma homenagem à série I Love Lucy, que você pode ver no vídeo abaixo.

i-love-lucy-collage

I Love Lucy é uma série de 1951, uma das bases de séries como Modern Family, Simpsons e Family Guy. A série era protagonizada por Lucille Leball e Davi Arnaz, casados na vida real, e conta a história do casal Lucy Ricardo, uma dona de casa atrapalhada, quase um Homer Simpsom feminino, e Ricky Ricardo, um bem sucedido cantor cubano, que tenta manter Lucy longe dos problemas.

Star-Trek

Graças ao sucesso de I Love Lucy, Lucille e Davi Arnaz fundaram a produtora DESILU, responsável por vários sucessos da televisão americana, entre eles Star Trek/Jornada nas Estrelas, uma das séries mais fãs da história da tv mundial – e que ganhou seu segundo longa sob a batuta de J. J. Abrahms. Star Trek apresentava as viagens da nave U.S.S. Enterprise, rumo audaciosamente onde nenhum homem jamais esteve, comandada pelo lendário Capitão James Tiberius Kirk, interpretado pelo também lendário William Shatner.

Este texto continua neste post!

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta