O caso da epilepsia em Pokemon


Uma das lendas que circula na internet fala de um episódio do desenho Pokemon que teria causado ataques epilépticos em cerca de 600 crianças no Japão. No episódio em questão, os personagens principais estariam no mundo digital para ajudar o pokemon Porygon e em um determinado momento que Pikachu solta seu choque do trovão, a tela pisca em azul e depois vermelho tão rapidamente que causou ataques de epilepsia fotossensível nas crianças, que tiveram de ser internadas em hospitais.

Motivational__Porygon_by_Lemonesque

Esta lenda em questão é um tanto complicada de ser definida, pois existem fatos verdadeiros e fatos mentirosos na história toda. Para começar, vamos falar do episódio em questão. Sim, é verdade que o episódio foi exibido no Japão, e sim, ocorreu de ser reportado que 618 crianças foram para o hospital – levadas por seus pais – sentindo-se mal. Acontece, entretanto, que um estudo realizado nos casos descobriu que apenas uma pequena parcela das crianças tiveram o ataque de epilepsia fotossensível.

Hoje em dia, sabe-se que o efeito de piscar cores tão diferentes tão rapidamente pode causar ataques como esse em quem tem predisposição para a doença. Por isso, medidas de segurança são adotadas até hoje, inclusive, você pode ver que jogos como Marvel vs Capcom 3 possuem avisos para o risco de possíveis ataques pelo excesso de cores que piscarão na tela.

Em relação ao desenho, apesar do episódio ter sido reeditado para retirar o efeito, o mesmo nunca mais passou no Japão, e nem veio com a versão americana do desenho. Além disso, o personagem Porygon nunca mais apareceu no desenho até hoje, exceto por imagens estáticas.

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta