Por que os personagens da Disney não tem pais? 11 Comentários


Dias atrás, conforme pedido meu, recebi pelo twitter uma pergunta a qual prometi que faria uma pesquisa: “Por Que Os Personagens Da Disney Não Tem Pais?”. Como muitos devem saber, existem diversos sites que acusam a Disney de ser uma empresa satânica, e que um de seus objetivos satânicos é a destruição da família. Por isso, uma das acusações mais comuns destes sites é a lista de personagens da Disney que, ou não tem pai, ou não tem mãe, ou é completamente órfão. Eis aqui, então, uma resposta a estes textos.

Huguinh, Zezinho e Luisinho

Os sobrinhos mais famosos dos desenhos

Literatura

Ao contrário do que muitos dizem, a ausência de pais não é uma criação da Disney. Este é um conceito literário muito utilizado especialmente em obras voltadas para o público infanto-juvenil. A ausência dos pais, segundo este conceito, permite que os personagens se tornem aventureiros, libertando-os das obrigações familiares e do controle dos pais – afinal, que pais deixariam o filho sair pelo mundo para enfrentar um grande mal? Além disso, é perceptível que neste tipo de histórias que o personagem ‘órfão’ vai acabar amadurecendo mais rapidamente, devido a ausência de uma figura que o proteja. E mais, personagens ‘órfãos’ costumam ter momentos de introspecção e mais carentes de afeição – caracteristicas que abrem excelentes oportunidades de roteiro.


A ausência de pais não significa exatamente que um deles ou ambos estejam mortos, mas simplesmente que eles não estão presentes na obra em questão, pelos mais variados os motivos. Um desses motivos é que os pais sejam irrelevantes para trama da obra que o escritor está tentando desenvolver. Também existe a situação onde a ausência de um dos pais do personagem permite que a obra possa se focar na relação do personagem com o parente presente – como, por exemplo, excluir a mãe em uma história onde seja importante a relação entre pai e filho. E, por fim, simplesmente, a ausência de um dos pais pode acontecer por que simplesmente não existe a necessidade de que apareçam na história.

Sobrinhos do Popeye

Pipeye, Pupeye, Poopeye e Peepeye

E a Disney?

Além do conceito literário, existem diversos motivos para a ausência de pais nas histórias Disney. A maior parte dos desenhos da Disney são adaptações de contos e histórias antigas bem conhecidas, como, por exemplo, Branca de Neve, Cinderella e Aladdin. Portanto, quaisquer animações adaptadas destes contos teriam essa ausência de pais, independente da Disney. Outras obras baseadas em contos, histórias e/ou livros nesta situação são Mogli, o Menino Lobo [O Livro da Selva], Tarzan [Tarzan dos Macacos] e Bambi [Bambi, Uma Vida Na Floresta].

Em algumas animações a ausência dos pais é o que faz a história andar, como, por exemplo, em O Rei Leão, onde a morte de Mufasa, pai de Simba, não somente muda a história, com a qual o vilão toma o poder, como se torna um trauma o qual Simba deve enfrentar para poder se tornar o novo rei. Outro exemplo é Dumbo, onde embora sua mãe não morra, ela é presa como louca, o que faz com que Dumbo necessite fazer papel de palhaço no circo para poder sobreviver sem sua proteção. E em Procurando Nemo, a morte da mãe de Nemo é o que dá início a história, e é o trauma que faz Marlin, o pai de Nemo, ir atrás de seu filho, o qual tem de superar para poder viver em paz com ele.

Também existem histórias onde se ter um pai ou mãe não faz a minima diferença na história. Por isso, não se tem nenhuma informação dos pais – se estão vivos ou mortos – ou mesmo onde os pais estão durante a história. Exemplos: Alice no País das Maravilhas e Bolt – especialmente em relação aos animais.

Por fim, existem muitas animações da Disney onde a família aparece completa e/ou participa da história e/ou tem um papel importante nela, como Peter Pan – os pais de Wendy e seus irmãos -, Hercules – não somente Zeus e Hera, os pais verdadeiros de Hercules, como Alcmene e Amphytrion, seus pais adotivos – e A Familia do Futuro – onde o foco está totalmente na familia.


Penny, Sobrinha do Inspetor

Penny, Sobrinha do Inspetor Bugiganga

Os Sobrinhos

Quando se fala em ausência de familia na Disney, muitos pensam logo em Huguinho, Zezinho e Luisinho, os sobrinhos do Pato Donald. Para muitos, é estranho que os meninos passem a vida inteira sendo criados pelo tio, ainda mais com a personalidade de Donald. Para quem não sabe, Donald Fauntleroy Duck – o nome completo do Pato Donald -, tem uma irmã gêmea, Della Duck. Della é a mãe de Huey, Dewey e Louie Duck – os nomes originais de Huguinho, Zezinho e Luisinho -, que pede que Donald fique com os meninos durante algum tempo, devido ao fato do pai dos meninos – que nunca ganhou um nome – ter se acidentado seriamente por causa de uma brincadeira deles. Após passar algumas semanas, Della decidiu que os meninos ficariam com Donald por um tempo indefinido. E assim, Donald cuida de seus sobrinhos até hoje.

No mundo real, os sobrinhos de Donald eram apenas uma fonte para algumas histórias do Donald, mas o sucesso da interação entre Donald e seus sobrinhos, principalmente nos quadrinhos, fez com que os meninos morassem permanentemente com Donald. E isso deu a origem a todo um universo de personagens ligados ao Pato Donald: A Familia Pato.

A ideia de um personagem ter sobrinhos não é exclusividade de Donald. Praticamente todos os personagens dos quadrinhos da Disney possuem algum tipo de sobrinho sem pais. E não é uma exclusividade da Disney, uma vez que vários personagens possuem sobrinhos sem pais: Gaguinho, Popeye, Inspetor Bugiganga, Jackie Chan – em sua série animada -, Pica Pau, Scooby-Doo, entre muitos outros!

Mas, qual o motivo para tantos personagens terem sobrinhos, e não filhos?

O motivo é bem simples: o personagem precisa continuar solteiro, mas precisa de ter crianças com quem possa interagir para servir de argumento para roteiros. Além disso, caso o sobrinho não agrade, é mais fácil faze-lo sumir do que um filho! Por fim, o sobrinho serve como uma mensagem de que ‘Familia não é somente pai e mãe’.

Comentários

Comentários


Deixe uma resposta

11 pensamentos em “Por que os personagens da Disney não tem pais?

  • Gengetsu

    Ótimo post. Já fui grande fã do Donald quando criança e nunca soube dessa história de irmã. Agora uma correção (acho). A sobrinha no seriado animado de Jackie Chan (Jade no caso), parece ter pais sim. Não gosto muito da série, mas parece que há um episódio em que ela volta para China e lá mostram os pais dela. Como disse, não gosto muito do seriado, então posso estar enganado.

  • Kell Bonassoli (@kellbonassoli)

    Olha o que o Nil Santos postou no meu FB >>>
    Os pais dos personagens infantis, não só da Disney, não aparecem pela moral vingente na época em que foram criados. Veja um filme da decada de 40 e 50 e você verá casais que dormiam em camas separadas. Ou em caso de comédias como o Gordo e o Magro, dois homens dormindo na mesma cama sem a conotação que teria nos dias atuais.
    Quando Huguinho, Zezinho e Luizinho aparecem pela primeira vez, Donald recebe junto uma carta de sua irmã pedindo para ele cuidar deles temporariamente. É uma forma de acrescentar os personagens sem casar o Donald e ter que apresentar uma esposa.
    Popeye, dessa mesma época, tem três sobrinhos.

    =-= =-= =-= =-= =-= =-= =-= =-= =-= =-= =-= =-= =-= =-=
    infelizmente, fã dos quadrinhos leva a sério uma piada :p

  • Jean Silvestre

    Alguns pesquisadores também atribui o fato do universo Disney possuir tantos personagens ‘sem pais’, porque o próprio Walt Disney alimentou por anos a ideia de que era filho adotivo, devido ao fato de não possuir certidão de nascimento, somado ao maus tratos e falta de afeto que seu pai, Elias Disney, o aplicava. Isso teria influenciado sua arte.

  • Ivo

    Creio que um dos motivos também seja o de que qualquer criança órfã que assista possa se identificar com o personagem, sem se sentir excluída, favorecendo todos os públicos. E não creio que seja uma desvalorização da família, lembrem-se do filme “Os incríveis” onde a família toda é retratada como unida, enfrentando vilões….. Ótimo post.!

    Abraços

  • williamhaddad

    fui durante muitos anos colecionador das obras de WALT DISNEY, cresci com gibis do pato Donald à mão..e posso dizer que vc foi primoroso em tua pesquisa, e somente os idiotas fanáticos de seitas religiosas doentias ….é que veem na DISNEY COMO SENDO ALGO SATÂNICO..aliás na cabeça destes doidos há um celeiro de diabos prontos para agirem na vida do ser humano….

  • Alexander Fidelis Divino.

    José Carioca, Mickey, Pateta, e até Margarida todos são tios também. E saindo do mundo Disney até o Pica Pau tem sobrinhos e coelho Perna Longa também.